Inauguração da Exposição “Low Cost” – Press Release


Exposição Colectiva de

Joalharia Contemporânea Low-Cost

 

CYAN | Oficina de Joalharia Contemporânea | Feira da Ladra

18 e 19 de Maio

 

Cada peça 25€

 Joalharia Contemporânea Low Cost é uma exposição do trabalho de 22 autores que vai decorrer na loja/oficina CYAN—Joalharia Contemporânea (Mercado de Santa Clara, loja 17, na Feira da Ladra). A festa de inauguração será na sexta-feira, dia 18 de maio a partir das 18h e a exposição continuará no sábado dia 19 das 9h às 18h.

A partir de uma ideia original de Laura Rose e Maria Ana Ricon Peres  (proprietária da CYAN), foi lançado o desafio a joalheiros residentes em Portugal—alunos e estabelecidos— de criar jóias para serem vendidas a 25€.

Esta exposição tem como objectivo dar a conhecer o poder da joalharia contemporânea e simultaneamente torná-la acessível ao grande público.

Entre as jóias expostas, haverá peças feitas a partir de materiais e técnicas tradicionais, mas também peças executadas em materiais alternativos, como lâmpadas, cordas de guitarra, porcelana, ataches, peças de automóvel, partituras de pianola, entre outros.

Esta exposição será a primeira que a CYAN recebe desde a sua abertura em Janeiro de 2011. Além de Maria Ana Ricon Peres e de LauraRose, participam: Cristina Barros, Egle Bazaraite, Joana Mota Capitão, Ana Margarida Carvalho, Gabriela Coelho, Catarina Dias, Janea Dresler, Alice Gelin Fernandes, Sara Guerreiro, Typhaine le Monnier, Catarina Martins, Teresa Milheiro, Marília Maria Mira, Alice Neiva, Inês Nunes, Liliana Nunes, David Pontes, Paula Madeira Rodrigues, Teresa Burnay Sousa, Inês Vasquez.

 

Para mais informações:

Maria Ana Ricon Peres: 916 312 555maria.ana.peres@gmail.com

Laura Rose: 967 264 313laurarosegraham@gmail.com

 

A joalharia contemporânea é um mundo ainda pouco conhecido e divulgado, sendo o termo frequentemente confundido com ourivesaria ou alta joalharia. Embora partilhe a técnica destas duas áreas, o joalheiro contemporâneo está também interessado na joalharia como um fenómeno social, um modo de interagir com o outro. Tal como um escultor ou um músico, o joalheiro procura formas de expressar ideias e provocar sensações.

 

Galerias de Joalharia Contemporânea em Portugal:

Galeria Articula (Lisboa)

Galeria Reverso (Lisboa)

Galeria Tereza Seabra – Jóia de Autor (Lisboa)

Galeria Adorna Corações (Porto)

 

PIN – Associação Portuguesa de Joalharia Contemporânea:

www.pin.pt


Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s